MEGA ARTESANAL – 2019

AUTOR: M.ICHI
12/08/2019


Olá caros empreendedores, tudo bem com vocês? 
Como estão os desafios nos negócios, espero que esteja dentro das expectativas e objetivos traçados por vocês. Sucesso a todos!

Pessoal, hoje vamos falar sobre o evento Mega Artesanal, realizado na primeira semana de agosto na São Paulo Expo – Imigrantes, considera uma das maiores e mais importante feira de artesanato da América Latina.

Antes de falarmos do evento propriamente dito, não posso deixar de comentar sobre a organização, a infraestrutura, o translado, praça de alimentação e banheiros.


Em relação ao translado, pelo tamanho do evento e a quantidade de visitantes, não foi suficiente para atender a demanda; pois eu e muitos outros visitantes que comparecerem no sábado, fomos e voltamos a pé da estação do metrô Jabaquara ao evento e vice-versa, além do caótico transito local.


Quanto a organização, os responsáveis estão de parabéns; pois estava sinalizado, além do pessoal de apoio para orientar os visitantes em relação a qual fila deveriam se dirigir, retirar credenciais, etc.

A infraestrutura da São Paulo Expo, após a sua reforma melhorou em muito o conforto para os visitantes e expositores, porém achei os banheiros insuficientes para atender confortavelmente os visitantes (filas enormes nos femininos principalmente), além de uma limpeza mais condizente pelo porte do evento.

Na praça de alimentação, haviam boas opções; mas como todo evento os preços sempre acabam assustando os visitantes, vi muitos deles comendo seus lanches que trouxeram nas sacolas de casa nos poucos bancos disponíveis para descanso (organizadores, revejam os preços da praça de alimentação, as vendas serão melhores).  

A Mega Artesanal de 2019 contou com a participação dos setores do Comércio, das Indústrias, Confeiteiros, Ateliês, Artesãos, da Prefeitura de São Paulo e outras entidades que também apoiaram o evento. A história da feira, existe há 15 anos e segundos dados do IBGE, sustenta cerca de 10 milhões de brasileiros e movimenta R$ 50 bilhões por ano.

Foi uma feira completa que ofereceu não só para o artesão, mas também para quem gosta de arte, faz arte, artes manuais, artesanato e demais visitantes várias oportunidades de cursos, demonstrações e capacitação; além da venda de produtos, matérias primas, projetos, exposições premiações e possibilidade de negócios.


Foram mais de 340 expositores presentes de todas as técnicas, tendências e produtos; além dos principais lançamentos com muita inovação e criatividade. Posso dizer que pela quantidade de visitantes, que lotaram os corredores e os stands, esse mercado e a própria feira, continuarão a crescer; oferendo oportunidades para muitos brasileiros empreenderem. Realmente o povo brasileiro é muito criativo!

Fiquei encantando com a quantidade de produtos, de materiais e de profissionais com expertise manuais demonstrando seus talentos, além de capacitarem os visitantes com aulas presenciais com muita técnica e habilidades.

Falando em talento manuais, encerro esse artigo comentando a iniciativa da Prefeitura Municipal de São Paulo, com a criação de seu Programa Mãos e Mentes Paulistanas, também chamado de Programa de Artesanato e Manualidades, que tem como objetivo desenvolver o setor, valorizando e qualificando os empreendedores artesanais com a finalidade de gerar renda.


Pessoal, hoje fico por aqui e espero vocês até o próximo artigo
Um grande abraço a todos!



























Comentários

Postagens mais vistas

Dicas de filmes sobre empreendedorismo – Parte II

ROCKFEST, o verdadeiro festival de Rock ‘N’ Roll!

M.G.: Marvel's Avengers - Novo Game da Square Enix

FILMES: VENTOS DA LIBERDADE

Unboxing E.L.A.N.E. #01