O QUE UMA PESCARIA DE SUCESSO, TEM EM HAVER COM UM PLANO DE NEGÓCIO DE UMA EMPRESA?

06/03/2019
Autor: M.ICHI



O QUE UMA PESCARIA DE SUCESSO, TEM EM HAVER  COM UM PLANO DE
NEGÓCIO DE UMA EMPRESA?

Olá caros internautas, tudo bem com vocês?

Como foram de carnaval? Divertiram-se muito ou empreenderam bastante? Se
fizeram as duas coisas, ótimo! Por que, tempo ainda significa ganhar dinheiro!

Hoje falarei um pouco sobre o que uma pescaria de sucesso (com muitos
peixes), tem em haver com uma empresa de sucesso também.

Aqui me refiro principalmente aos internautas que gostam de pescar e são
empreendedores e por que não; para aqueles que não gostam, mas
empreendem bastante também.

Eu que sou pescador e tenho empreendido ultimamente, sei o quanto um bom
plano de pesca faz uma grande diferença para uma pescaria de sucesso; assim
como um bom plano de negócio faz na empresa também.

Para o pescador que gosta de desafios e quer ter resultados em sua pescaria,
ela começa com o plano de pesca, muito antes de estar na beira do rio, na praia,
no mar e até utilizando um barco também.

Na pescaria, dependendo da modalidade (embarcada no mar ou rio, na praia, na
beira do rio, ou até mesmo em um pesque-pague) a tábua da maré e o tempo
são fundamentais para o seu sucesso.


E é aí, que o plano de pesca começa a fazer a diferença!

Para o pescador, seu plano de pesca envolve:
- A escolha de uma data no calendário para realizar a sua pescaria e
dependendo do tipo de pesca (em pesqueiros, nas represas, rios ou mar e tipos
de peixes), ele escolherá uma das quatros estações do ano para realizá-la,
devido ao clima/tempo (se fará sol, chuva, frio e ventos), principalmente em
nosso país com dimensões continentais.
- Depois as companhias; se vai com a família, só com a esposa ou só os filhos,
com a namorada ou somente com os amigos.
- Daí, vai separar os tipos de varas para ações leve, rápidas ou pesadas; as
carretilhas, molinetes; os tipos de linhas; os anzóis; tipos de boias; os tipos de
iscas; sejam elas naturais, como as minhocas, o capim, o milho verde, as massas
para pesqueiros; as artificiais que podem ser de superfícies, meia-água ou de
fundo.
- Tipo de hospedagem (hotéis, pousadas, acampamento ou barco-hotéis) ou se
ficará no barco em alto mar, se vai de carro, ônibus ou avião.
- Posteriormente vai levantar os custos de tudo isso para saber o quanto vai
“gastar/investir”, para seu lazer/descanso merecido com os familiares e/ou
amigos.
- Após a elaboração do plano de pesca, você estará seguro para pôr em prática
tudo que foi elaborado e prosseguir em sua viagem rumo ao sucesso da
pescaria; no qual o seu “lucro” será se divertir com todos os envolvidos e por quê
não, saborear um peixe pescado por você mesmo! (Mas sem exagero, pois
devemos preservar o meio ambiente).



Agora vamos falar sobre o plano de negócio para abrir uma empresa; mas
o que é um plano de negócio? Então vamos recordar?

Podemos entender que um plano de negócio é o instrumento de planejamento
de um empreendimento em sua fase inicial e serve para orientar (como uma
bússola) o empreendedor no desenvolvimento de uma ideia que pretende
transformar em um negócio.

Ao elaborar o plano de negócio, o empreendedor deve ter a sua preocupação
voltada para:
- A viabilidade real de implementação de seu negócio; ou seja, trazê-lo para o
mundo real do empreendedorismo.
- Deve pesquisar o mercado que vai atuar (bairro, cidade, estado), para saber
aonde estão os seus clientes; quem são os seus concorrentes, o seu público
alvo, perfil da classe social de renda; quais produtos ou serviços que devem ser
oferecidos para atender às necessidades desses clientes, como serão as
instalações, para analisar os investimentos necessários a essa estruturação da
empresa.
- Saber como calcular o seu preço de venda de forma correta, incluindo todos os
custos fixos e variáveis, os tributos que vai pagar, o seu salário (pró-labore), suas
margens de lucro.
- Assim saberá como definir uma política de preços de venda dentro da realidade
de mercado em que vai atuar.

Em resumo, o plano de negócio consolida as observações e reflexões do
empreendedor sobre a sua ideia de negócio, as suas motivações para o
empreendimento, demonstrando como é o ambiente competitivo no qual
pretende se inserir e como vai operar para vencer nesse mercado extremamente
competitivo. Também apresenta demonstrações de aspectos financeiros e
econômicos que buscará alcançar com a operação.

Vale lembrar também que esse plano de negócio uma vez bem elaborado, pode
ser apresentado à grupos de investidores ou futuros sócios empreendedores;
mais conhecidos como Startup.

Pessoal, por hoje é só! Espero ter contribuído para uma boa pescaria, assim
como devam empreenderem com SUCESSO!

Até o próximo artigo….




Comentários

Postagens mais vistas

Como foi 1° Dia de Brasil Game Show (Imprensa) ?

Dicas de filmes sobre empreendedorismo – Parte II

ROCKFEST, o verdadeiro festival de Rock ‘N’ Roll!

M.G.: Marvel's Avengers - Novo Game da Square Enix

FILMES: VENTOS DA LIBERDADE