Livro: Suzy e as Águas-Vivas – Ali Benjamin



Olá pessoal. Como estão?

Hoje vim com uma dica de livro pra vocês. Espero do fundo do coração que vocês gostem e que se permitam conhecer essa história cativante.

Sinopse: Às vezes, quando nos sentimos mais solitários, o mundo decide se abrir de formas mágicas. Suzy Swanson está quase certa do real motivo da morte de Franny Jackson. Todos dizem que não há como ter certeza, que algumas coisas simplesmente acontecem. Mas Suzy sabe que deve haver uma explicação — uma explicação científica — para que Franny tenha se afogado. Assombrada pela perda de sua ex-melhor amiga — e pelo momento final e terrível entre elas —, Suzy se refugia no mundo silencioso de sua imaginação. Convencida de que a morte de Franny foi causada pela ferroada de uma água-viva, ela cria um plano para provar a verdade, mesmo que isso signifique viajar ao outro lado do mundo... sozinha. Enquanto se prepara, Suzy descobre coisas surpreendentes sobre o universo — e encontra amor e esperança bem mais perto do que ela imaginava. Este romance dolorosamente sensível explora o momento crucial na vida de cada um de nós, quando percebemos pela primeira vez que nem todas as histórias têm final feliz... mas que novas aventuras estão esperando para florescer, às vezes bem à nossa frente.
Antes de qualquer coisa, quero dizer que esse livro me cativou do começo ao fim. Foi um dos livros mais amorzinho que eu já li.

Suzy Swanson, uma garota de 12 anos, resolve parar de falar após a morte de sua melhor amiga (ou ex-melhor amiga) Franny, pois segundo a mesma, ela não gosta de falar bobagens apenas para preencher o silêncio. Dessa forma, reclusa apenas em seu mundo, ela tenta, por meio de explicações e pesquisas científicas encontrar a causa para a morte de Franny. Até que se convence de que sua amiga não morreu por conta de um afogamento (pois ela sabia nadar muito bem), e sim, porque foi picada por uma água-viva mortal. Sendo assim, Suzy está certa de que irá provar a todos a real causa da morte de Franny, e de que as coisas simplesmente não acontecem, como sua mãe havia lhe dito. Em meio a tudo isso, Suzy ainda tem que lidar com o divórcio de seus pais e com o bullying e a exclusão que sofre na escola.

A personagem principal é fantástica, uma menina encantadora e ao mesmo tempo solitária (muitas vezes eu tive vontade de poder confortar Suzy de alguma forma). Sem contar que todos os seus colegas estão vivendo uma fase de mudanças, da transição da infância para adolescência, aquela fase em que as meninas começam a se preocupar mais com a sua aparência, em que começam a paquerar, enfim, toda mudança pela qual todo mundo passa. Porém, Suzy era diferente, ela não se importava com isso, ela continuava com seu cabelo armado, suas roupas largas e sua curiosidade em saber dos mais diversos assuntos que lhe interessavam. O que mais se destaca na personagem é a sua força, coragem, determinação, e principalmente o fato de não deixar com que a opinião das outras pessoas interfira na sua essência e no seu jeito de ser.

Eu fiquei completamente apaixonada por Suzy e por toda a sua história, e sua força de vontade de buscar nas águas-vivas a explicação pra morte de sua amiga e de tudo o que aconteceu na sua vida. Suzy nos leva por um universo totalmente mágico e encantador, e desperta na gente a curiosidade de saber cada vez mais sobre essas criaturas do mar e também de descobrir junto a ela se a causa da morte de Franny foi realmente uma picada de água-viva. Além de todos os outros ensinamentos que a personagem nos passa. Aprendemos sobre o luto, a aceitação, o amor, de modo que acabamos de ler o livro com a certeza de que sempre podemos recomeçar.

Recomendo demais esse livro, para todas as pessoas, de todas as idades. É um livro cujo qual a leitura é fácil, envolvente e rápida, daqueles que prendem do começo ao fim. Uma história que toca a gente de uma forma profunda e nos faz refletir sobre os mais diversos temas que fazem parte da nossa realidade. Muitas vezes enquanto eu lia, me identifiquei com Suzy e seu jeito doce de ser. Espero que essa seja a sensação causada em vocês caso tenham interesse em ler o livro.

Um abraço, boa leitura e...


Até a próxima :*

Autor: Gabby Sweet.

Comentários

Postagens mais vistas

Como foi 1° Dia de Brasil Game Show (Imprensa) ?

Dicas de filmes sobre empreendedorismo – Parte II

ROCKFEST, o verdadeiro festival de Rock ‘N’ Roll!

M.G.: Marvel's Avengers - Novo Game da Square Enix

FILMES: VENTOS DA LIBERDADE