Vamos falar de Empreendedorismo


Olá pessoal! Tudo bem com vocês? 

Já falei um pouco sobre cidadania, espero que tenham gostado e refletido sobre o assunto, afinal sou um cidadão que se preocupa em melhorar o nosso dia a dia, assim como muitos de vocês.

Mas vamos lá!

Hoje falarei um pouco sobre empreendedorismo, para quem quer abrir uma empresa - micro e pequenos negócios - o que é, e como você pode se tornar um empresário empreendedor, colocando em prática a sua idéia de negócio, afinal todo brasileiro tem um pouco de “técnico de futebol”, “de médico” e aí sim, aquele “jeito” de empreender, mesmo que seja de maneira informal. 

Comentarei sobre esse tema, porém de uma forma um pouco didática nesse início; mas depois de uma forma mais simples para ajudá-lo a colocar em prática a sua ideia de negócio e de maneira formal, ou seja, como você pode abrir o seu micro negócio ou pequeno negócio.

Para entendermos o que é empreendedorismo e ser empresário no Brasil, precisamos saber um pouco sobre a sua definição.

Empreendedorismo em sua definição é:
- A disposição ou capacidade de idealizar, coordenar e realizar projetos, serviços, negócios; ou seja, colocar a sua ideia em prática.

Esse conceito foi utilizado inicialmente pelo economista Joseph Schumpeter, em meados dos anos 50. De lá pra cá, percebemos o quanto isso de propagou.

Mas, para ser um empreendedor; existe alguma característica em particular?

Podemos dizer que um empreendedor é o cidadão que não espera as coisas acontecerem, ele é pró-ativo, faz realizar-se, coloca a sua ideia em prática. É altamente motivado, possui boas idéias e sabe como implementá-las  de forma a alcançar os seus objetivos. Não tem medo de iniciar um projeto de forma arrojada. Por esse motivo, é comum um empreendedor ter sucesso em seu negócio.
É alguém que tem comprometimento, principalmente para com os outros, acredita no seu potencial, apresenta capacidade de liderança e consegue trabalhar em equipe. O empreendedor sabe que um fracasso é apenas uma oportunidade de aprender e ser melhor, e não se deixa abalar com isso.
Gente! Isso significa que se eu não tiver tudo isso, não posso empreender e me tornar um empresário?
Claro que pode, uma vez que você acredita em sua ideia de negócio, e principalmente se você transferir a sua ideia de negócio para o papel, você já está fazendo um planejamento ou um plano de negócio.
Pessoal, vocês perceberam que com uma boa ideia, uma boa iniciativa e força de vontade, e um pouco mais de informação vocês podem se tornarem empresários?  
Calma, gente não se assuste! Vou antecipar algumas informações a respeito. No caso do plano de negócio, como já falei; é uma ferramenta em que você começa a desenhar a sua empresa, definindo qual o tipo de negócio que você vai abrir, se é de serviços, se é um comércio ou uma indústria.
Vocês precisarão avaliar qual será o “porte/tamanho” da sua empresa; ou seja, qual vai ser o seu faturamento mensal e/ou anual, para se enquadrarem e dentro da legislação que regem as micros empresas, existe 03 (três) forma de vocês se constituírem e que são:
- M.E.I – Micro Empreendedor Individual, que terá uma receita máxima anual de R$ 60.000,00;
- M.E – Micro Empresa, que terá uma receita máxima anual de R$ 360.000,00 e finalmente a;
- E.P.P – Empresa de Pequeno Porte, com faturamento máximo anual de R$ 3.600.000,00.  
Bom, pessoal por hora é isso que tenho que comentar sobre empreendedorismo e abertura de uma empresa. Nos próximos comentários estarei falando um pouco mais de cada dessas formalizações e suas obrigações, ok? 
Um abraço e até lá!


Autor-M.ICHI.

Comentários

Postagens mais vistas

Como foi 1° Dia de Brasil Game Show (Imprensa) ?

Dicas de filmes sobre empreendedorismo – Parte II

ROCKFEST, o verdadeiro festival de Rock ‘N’ Roll!

M.G.: Marvel's Avengers - Novo Game da Square Enix

FILMES: VENTOS DA LIBERDADE